Apple Pay: pagar de forma simples, segura e sem deixar registos

Apple Pay: pagar de forma simples, segura e sem deixar registos

O serviço de pagamentos, Apple Pay, já chegou a Portugal. Opte por um método mais fácil, seguro e privado para pagar em lojas, sites ou apps. Pode pagar com o seu IPhone, IPad ou Apple Watch. No futuro paga-se assim.

O Apple Pay é uma tecnologia de pagamento sem contacto para dispositivos Apple, uma alternativa rápida e simples ao uso de cartões e de dinheiro. É chamada de carteira digital e é uma alternativa aos pagamentos mais tradicionais com cartões ou dinheiro físico.

Os utilizadores do sistema do Apple Pay não terão custos nas operações de pagamento (normalmente suportados pelos clientes, como acontece nos pagamentos com MB Way, por exemplo). Na aplicação desenvolvida pela SIBS — gestora da rede Multibanco — para os bancos nacionais, apenas as transferências de dinheiro são pagas. Na prática, é como se o pagamento estivesse a ser efetuado com cartões de débito e de crédito, só que de uma forma muito mais cómoda.

A segurança e a privacidade estão na base do Apple Pay. De acordo com a Apple e com a Mastercard, é utilizado o Mastercard Digital Enablement Service (MDES), o qual está repleto de tecnologias de pagamento — EMV, tokenização e criptografia — que asseguram a integridade da informação do cartão.

Apple Pay: pagar de forma simples, segura e sem deixar registos

É mais seguro do que um cartão de débito ou pré‑pago. Precisa apenas do Face ID, Touch ID ou do código para fazer compras no iPhone, Apple Watch, Mac ou iPad. A sua identidade e o número do cartão não são partilhados com o comerciante. Os números do cartão nunca são armazenados no dispositivo, nem nos servidores da Apple.

Ao pagar numa loja, nem a Apple nem o seu dispositivo enviam o número do cartão ao comerciante. Ao pagar online ou em aplicações, o comerciante recebe apenas as informações de autorização da encomenda, como o seu nome, endereço de e-mail e moradas de faturação e envio.

Ao pagar com um cartão de débito ou pré‑pago, a Apple não guarda informações das transações que possam ser associadas a si. No fundo, quando faz uma compra, o Apple Pay utiliza um número específico para o dispositivo e um código de transação único. Desta forma, o número do seu cartão nunca é armazenado no dispositivo nem nos servidores da Apple. E quando faz o pagamento, os números de cartão nunca são partilhados pela Apple com os comerciantes.

Com o Apple Pay existe ainda a possibilidade de receber recompensas com o cartão adicionado à app Wallet. A plataforma também ajuda na gestão de gastos, uma vez que, a cada compra, o valor das transações aparece automaticamente no seu telefone.

 

Apple Pay já disponível em Portugal

O Apple Pay foi lançado nos Estados Unidos em 2014, só chegou a Portugal (e a outros 12 países europeus) em 2019, mas apenas para quem tinha conta no Crédito Agrícola ou nos bancos digitais N26, Revolut ou Monese e usa cartões Mastercard.

Hoje, a realidade do Apple Pay é bem diferente e o difícil é encontrar o local onde não o consiga utilizar. Segundo o site da Apple, a lista inclui: Activo Bank, Banco Montepio, Caixa Geral de Depósitos, Cetelem, Crédito Agrícola, FNAC, Millennium BCP, moey!, Santander e muitos outros.

Pode confirmar ainda onde o Apple Pay é utilizado através do Apple Maps. A aplicação de mapas da marca da maçã já mostra que estabelecimentos aceitam em Portugal. É só procurar “Apple Pay” na aplicação e verá os locais sinalizados como suportando a funcionalidade.

O Apple Pay funciona com iPhone, Apple Watch, Mac e é simples de configurar. Basta adicionar o seu cartão de débito ou pré‑pago à app Wallet e começar a pagar. Também está disponível nas aplicações mobile do Crédito Agrícola.

 

Como configurar e usar o Apple Pay?

Se tem um iPhone ou iPad com as aplicações devidamente atualizadas e é cliente de um dos bancos que suportam o Apple Pay, a adesão ao serviço é gratuita e relativamente simples:

Passo 1: Abra a aplicação Wallet.
Passo 2: Carregue no botão azul “+”.
Passo 3: Escolha o seu banco.
Passo 4: Siga as instruções que forem dadas.

Se tiver dúvidas, a página do Apple Pay tem alguns vídeos que explicam tudo o que precisa de saber sobre a adesão e o funcionamento do serviço. E em português.

 

Como pagar?

Para pagar com o Apple Pay numa loja online só tem de, no momento de fazer o pagamento, escolher o método de pagamento “Apple Pay”. Receberá uma notificação para confirmar a ação, com todos os detalhes sobre a compra. Para confirmar, use o Touch ID (impressão digital) ou Face ID (reconhecimento do rosto).

Numa loja física o método é igualmente simples. Contando que já aderiu ao Apple Pay, carregue duas vezes no botão de bloqueio do iPhone. Irá abrir o painel de pagamentos do serviço, de seguida, só tem de autorizar o pagamento, com Touch ID ou Face ID, e aproximar de o iPhone do terminal de pagamentos, com o ecrã virado para cima. O pagamento deverá ser processado automaticamente e, se for concluído com sucesso, receberá a confirmação.

// RPT

DEIXE UMA RESPOSTA

Envie o seu comentário
Indique por favor o seu nome