Como ligar a soundbar à TV: 4 formas

O som desempenha um papel fundamental na experiência enquanto telespectador, para que tenha imersão completa. Por isso mesmo, já há várias pessoas que optam por complementar o seu kit televisivo com uma soundbar. Saiba como a conectar à sua TV.

Um dos mais fortes argumentos que a industria televisiva apresenta para promover a experiência quase cinematográfica é a qualidade do som. Quanto melhor for, maior a sensação de imersão. Por esse motivo, complementar o nosso sistema de TV com uma soundbar pode fazer toda a diferença.

Disto isto, tendo em conta a ampla variedade de cabos e conectores diferentes que existem para estes aparelhos, pode ser difícil saber qual deles usar para tirar o melhor proveito do seu equipamento.

Independentemente do modelo de TV que possui, todos têm uma forma de serem conectados a uma barra de som. Verifique por si mesmo estes 4 métodos possíveis, começando por aquele que lhe irá garantir maior qualidade acústica.

 

1 HDMI

Um cabo HDMI é, de longe, a melhor maneira de ligar a sua soundbar à TV. Afinal, é a opção que oferece a melhor qualidade de áudio.

Os cabos HDMI são capazes de transportar grandes quantidades de dados de áudio digital não compactado e “aguentam” com qualquer sistema de som, desde 5.1 até 7.1 surround sound, e os ainda superiores. Também são capazes de processar experiências cinematográficas mais recentes, como DTS: X e Dolby Atmos.

Como ligo a soundbar à TV usando HDMI?

Pode ligar a barra de som usando HDMI se o seu televisor suportar ‘HDMI-ARC’ — ou seja, ‘canal de retorno de áudio’, o que significa que o áudio pode viajar nas duas direções ao longo do cabo.

Caso exista essa compatibilidade, todo o seu sistema (consolas, leitores de DVD ou Blu-Ray, etc.) pode estar conectado à soundbar e, depois, usar apenas um cabo HDMI para ligar a própria barra de som à TV.

Vale a pena notar que nem todas as barras de som vêm equipadas com um input HDMI, a não ser que opte por um equipamento de gama média ou alta.

 

2 Óptico digital ou coaxial digital

Se a conexão via HDMI não for possível, a seguinte melhor opção é usar um cabo digital óptico ou coaxial digital, transmissores capazes de transferir áudio digital para som surround 5.1.

Qual é a diferença entre os dois? O cabo coaxial possui um conector circular, enquanto os cabos ópticos são quadrados. Estes últimos são um pouco diferentes: convertem o sinal elétrico em luz óptica, para depois a enviar pelo cabo e o converter novamente num sinal elétrico na outra extremidade.

Na realidade, é quase impossível perceber a diferença — ambos são capazes de enviar um sinal digital de alta qualidade. Antes de comprar cabos, vale a pena conferir na parte de trás da sua TV se esta suporta ambas as opções. A maioria possui um conector óptico, mas nem todas as TVs suportam coaxial digital — isso influenciará a escolha, com certeza.

 

3 Áudio analógico: saída de linha de 3,5 mm ou RCA

Esses dois tipos de cabo transportam áudio analógico em vez de digital, o que significa que não são capazes de oferecer uma experiência de som surround completo. No entanto, se nenhuma das opções acima estiver disponível, ainda é uma forma viável de estabelecer ligação áudio.

Saída de linha de 3,5 mm

O output “saída de linha” no seu televisor tem a mesma aparência que o de auriculares. Se se enganar e ligar neste último, o som terá muito fraca qualidade — pelo menos dessa forma reparará imediatamente no erro. O melhor é verificar antecipadamente se a sua TV tem, de facto, uma porta de saída de linha. Com um cabo de saída de linha de 3,5 mm basta conectá-lo numa extremidade à TV e na outra extremidade à soundbar.

RCA

Os conectores RCA ou conectores de áudio e vídeo (AV) são conhecidos pelas suas cores: vermelho e branco. Aqui é apenas uma questão de ligar a cor correspondente no output do televisor e ligar a outra extremidade do cabo à barra de som.

Se a sua TV não contemplar uma saída RCA estéreo, pode conectar a soundbar a um leitor de DVD ou de Blu-Ray, por exemplo. Dito isto, há que relembrar que o som reproduzido só terá origem no dispositivo ao qual está ligado — ou seja, desta forma não reproduz os sons vindos da TV.

 

4 Entrada de auricular

Uma quarta opção, pela qual só deve optar se nenhuma das já referidas estiver disponível — porque o som teria mais qualidade —, é usar a entrada de auricular.

Alguns aparelhos televisivos têm uma opção nas configurações para alterar a função de auricular para ligação de saída de linha. Nestes casos, não precisará de ajustar as configurações de som.

Se não for o caso, as configurações de volume, e os graves e os agudos têm de ser ajustados até que fique satisfeito com o som. Qualquer dispositivo conectado desta forma tem o seu volume reduzido por razões de segurança. Na prática, significa que terá de aumentar consideravelmente o volume da TV quando conectar a soundbar. Depois não se esqueça de o diminuir antes de a desconectar.

// RPT

DEIXE UMA RESPOSTA

Envie o seu comentário
Indique por favor o seu nome